estádios de futebol mais antigos do mundo

Confira os estádios de futebol mais antigos de cada campeão mundial

Neste post tentarmos perceber quais os estádios de futebol mais antigos de cada país campeão da Taça do Mundo da FIFA. Confira a lista abaixo.

O estádio é o cenário onde todo o espectáculo futebolístico acontece: é no relvado que a disputa pela bola se sucede enquanto as multidões de adeptos se fazem ouvir a partir das bancadas, agitando bandeiras e cachecóis, sempre torcendo pelas suas equipas, numa estranha mistura de emoções demarcada por sentimentos tão contraditórios como sofrimento e pura alegria.

Todavia, todos os adeptos de futebol sabem que por vezes os seus clubes “mudam” de casa, deixando o seu velho estádio para trás de forma a alojarem-se num novo complexo desportivo. Isso implica, na maior parte dos casos, a demolição do estádio antigo para dar lugar a um novo ou a outras construções que mudam totalmente a composição de um espaço que tão bem conhecíamos.

Mesmo assim, persistem na história do Mundo do Futebol alguns estádios que somam muitos anos de vida, alguns deles ultrapassando mesmo a marca dos 150 anos e que continuam a acolher jogos nos seus relvados. De forma a tentarmos perceber que estádios são estes fizemos uma investigação para apurar os estádios de futebol mais antigos de cada país campeão da Taça do Mundo da FIFA.

Como somos portugueses, e Portugal venceu a Taça Europa em 2016,  decidimos fazer uma menção honrosa e revelar também qual o estádio de futebol mais antigo do país.

Confira os estádios de futebol mais antigos de cada campeão mundial

1 – Sandygate Road, Inglaterra (1804)

Ainda hoje continua a estar registado no Guinness Book como o estádio de futebol mais antigo do mundo: estamos a falar do Sandygate Road. O pequeno estádio, construído para acolher cerca de 700 pessoas na cidade de Sheffield, era usado inicialmente para jogos de críquete mas começou a sediar jogos de futebol a partir de 1860. Aqui se fez história, já que se disputou no seu relvado uma das primeiras partidas futebolísticas entre dois clubes: o Hallam e o Sheffield United.

2 – Parc des Princes, França (1897)

Inaugurado em 1897 como uma arena multiusos, o estádio Parc des Princes – situado nos arredores da capital francesa – acolheu modalides desportivas tão duversas como atletismo, rugby e até mesmo as etapas finais da Volta a França. No entanto, a sua história está intrinsecamente ligada ao futebol, servindo como casa a um dos maiores clubes franceses desde 1974: o Paris Saint-Germain. Entre os seus jogos mais emblemáticos que acolheu damos destaque à final da Taça Europa de 1984, quando a selecção francesa venceu a Taça ao derrotar Espanha no relvado.

3 – Gran Parque Central, Uruguai (1900)

Considerado o estádio mais antigo da América do Sul, o Gran Parque Central foi construído em 1900, no Uruguai, servindo como casa ao Club Nacional de Football. Desde então que o estádio passou já por algumas reformas, nomeadamente as grandes obras de modernização em 2005, tendo actualmente capacidade para mais de 26 mil espectadores. Entre os jogos mais emblemáticos que abrigou no seu relvado, o destaque vai para o primeiro jogo da Taça do Mundo de 1930, entre Bélgica e Estados Unidos.

4 – Estádio Arquitecto Ricardo Etcheverry, Argentina (1905)

É no barrio de Caballito, no coração de Buenos Aires, que se encontra o estádio de futebol mais antigo da Argentina, conhecido na história popular como “El Templo de Madera” pela sua estrutura à base de madeira. Acolhendo o Club Ferro Carril Oeste, que integra a segunda divisão, o estádio foi já alvo de inúmeras obras que procuram aumentar não só a capacidade do espaço como reforçar certas medidas de seguraça. Hoje é capaz de sentar 27 mil adeptos e todas as suas bancadas de madeiras foram removidas, substituídas por assentos mais seguros.

5 – Gazi-Stadion auf der Waldau (1905)

O clube alemão Stutgarter Kickers tem como sua casa o estádio mais antigo da Alemanha. Localizado nos arredores da torre de televisão da cidade de Stuttgart, o estádio conta com uma capacidade de 11 mil lugares. Tal como se sucede com outros estádios que integram esta lista, o Gazi-Stadion auf der Waldau sofreu algumas remodelações com o tempo. As bancadas de madeiras construídas em 1905 conseguiram resistir até aos anos 70, mas foram substituídas quando o estádio alargou as tribunas, fixando-as em todos os lados do campo.

6 – Estádio El Molinón, Espanha (1908)

O Estádio El Molinón, situado na cidade de Gijón, nas Astúrias, serve como casa do Sporting Gijón desde 1915 e é hoje o estádio mais antigo do país. Capaz de acolher mais de 30 mil adeptos, foi sofrendo algumas reformulações ao longo da história. Entre os momentos históricos que tiveram lugar no seu relvado, damos destaque à partida entre a Alemanha Ocidental e a Áustria, em 1982 – conhecida hoje como “Jogo da Vergonha” – que terminou com a classificação dos dois países para a fase seguinte da Taça Mundo 1982, numa estratégia consensual para eliminar a Argélia, que teria passado caso a Alemanha não vencesse. O jogo é considerado “vergonhoso” já que ambas as equipas deixaram de “jogar” a partir do momento em que a Alemanha marcou.

7 – Boca do Lobo, Brasil (1908)

O estádio Boca do Lobo é o mais antigo em território brasileiro. Erigido aquando do clube Pelotas, começou inicialmente por ser um pavilhão de madeira que, ao longo das décadas, foi evoluindo para se tornar no estádio que hoje conhecemos. Ainda que no estádio das Laranjeiras tenha iniciado a sua construção mais cedo, em 1904, a sua inauguração só se deu 15 anos depois. Além do mais, o Laranjeiras já não acolhe jogos do Fluminense, enquanto o estádio Boca de Lobo continua em actividade.

8 – Estádio Luigi Ferraris, Itália (1911)

É em Genova, em Itália, que se ergue o estádio mais antigo do país. Inaugurado no dia 22 de janeiro de 1911, o estádio conta actualmente com capacidade para mais de 36 mil pessoas e serve como casa à Genova C.F.C e à U.C. Sampdoria. Edificado numa fase turbulenta da história política mundial, o estádio foi rebaptizado em 1933 com o nome que mantém hoje, em homenagem ao jogador do Genoa que morreu durante a Primeira Guerra Mundial.

Menção Honrosa: Estádio de São Luís, Portugal (1922)

Não foi fácil encontrar aquele que se acredita ser o estádio mais antigo de Portugal, mas após alguma pesquisa achamos ter encontrado a resposta. O Estádio de São Luís, em Faro, parece mesmo ser mesmo o estádio mais antigo do país, com obras iniciadas em 1922 segundo as ordens de Manuel Santo, um emigrante regressado dos Estados Unidos. Reconhecendo a carência de um complexo desportivo no Algarve, o português ordenou a construção da obra perto da Igreja de São Luís.

O primeiro jogo a acontecer em campo foi a final da 2.ª edição do Campeonato de Portugal, no dia 24 de junho de 1923, partida disputada entre o Sporting CP e a Académica de Coimbra: o primeiro grande jogo disputado fora da área de Lisboa e Porto. A partir de Setembro de 1924 o estádio tem servido como casa ao Sporting Clube Farense.

Share this article

Comments

  • Eduardo Targino
    March 3, 2018

    Estádio não é arquibancada… Laranjeiras e o mais antigo estádio do Brasil… primeira casa da seleção Brasileira que nunca perdeu lá.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *